Pesquisar este blog

terça-feira, 30 de abril de 2013

O SACRIFÍCIO DA CRUZ E O SACRIFÍCIO PELO DINHEIRO - DENISE FRANÇA

CURITIBA, 28 DE ABRIL DE 2013.

O SACRIFÍCIO DA CRUZ  e  O SACRIFÍCIO PELO DINHEIRO, são coisas bem diferentes. Em primeiro lugar, o sacrifício pela cruz, é consciente, uma pessoa que escolhe esse caminho passa por uma longa transformação, crise, inadaptação, dor, luto, tristeza, sentimentos e emoções que a princípio podem parecer totalmente incoerentes com a REALIDADE.

A pessoa de JESUS CRISTO, começemos por aí, colocada em seu tempo, é uma pessoa totalmente desprovida de APARÊNCIA, e fundamentam a aparência de Cristo de várias formas, com olhos azuis, uma tez suave, delicada, quase feminina.... Eu não vejo desta forma, eu vejo A pessoa de Jesus Cristo profundamente entranhada no contexto de sua época, convivendo assiduamente e diariamente com pessoas marginalizadas, entendendo e compreendendo a realidade destas pessoas, lutando pela justiça, e colocando por terra toda espécie de idolatria, de ostentação proveniente do poder.
Faço a leitura da vida de Jesus Cristo, assim. E o senso de humor que transparece de suas palavras, é realmente hilário. A autoridade de Jesus Cristo está marcada pela coerência entre o que ele dizia, e o que ele fazia. E o seu sacrífício totalmente consciente, ele ia em direção daquele caminho, SABENDO.

A aceitação da condição humana em Cristo, sua sensibilidade em olhar esta condição, e reconhecê-la, aceitando-a sem se colocar imune, ou à deriva das coisas que lhe aconteciam, e das pessoas com as quais convivia.

O SACRIFÍCIO DA CRUZ É CONSCIENTE.

Existem pessoas que vivem vidas sacrificadas.  Por que? Porque observamos que não é fácil, que aquela pessoa sobrevive apesar de tudo, suporta dores, as condições são precárias, passa necessidade.... Isso é uma vida sacrificada, mas ainda assim não é o sacrifício da cruz. É a condição social desta pessoa que a faz sofrer todas essas intempéries, e sobreviver ainda assim mediante todas as vicissitudes possíveis.

O SACRIFÍCIO DA CRUZ É OUTRA COISA.

Imaginemos uma pessoa que ganha 10.000 REAIS por mês, tem formação universitária, trabalha em condições onde não sofre nenhum tipo de risco, não usa o seu corpo para esforço físico, executa suas funções dentro do trabalho com o mínimo de esforço físico e mental.... Não usa ônibus, tem carro próprio, viaja, compra roupas, faz o seu gasto sempre além da necessidade, pergunto, a vida desta pessoa é uma vida SACRIFICADA????? Em comparação com a vida e condição daquela outra pessoa??? Não. Em nada a vida desta pessoa é SACRIFICADA.

O SACRIFÍCIO DA CRUZ É OUTRA COISA.

Renúncia. RENÚNCIA. HUMILDADE. CARIDADE. AMOR. COMPAIXÃO. ACEITAÇÃO. LIBERDADE. JUSTIÇA. IGUALDADE. DESPOJAMENTO. SOLIDARIEDADE. 
Esses são os elementos que indicam o SACRIFÍCIO DA CRUZ.

Da mesma forma, o Sacrifício da Cruz não tem nada a ver com PUNIÇÃO, com masoquismo. Com expiação ou PURGAÇÃO.

A originalidade disto, é que o sacrifício da Cruz, e a figura de Cristo retorna sobre a condição essencial do homem. Jamais rechaça, ou deixa como provisório a existência humana, todos os sentimentos, e pensamentos, tudo aquilo que sobrevém ao homem em sua condição são assimilados.

Outro aspecto, é a consciência disto. Ou seja, não é a evitabilidade mas a ACEITAÇÃO desta condição humana.

SABENDO.  Aquele que opera essa caminhada, não é um LOUCO,  não é uma pessoa transtornada mentalmente. 

Infelizmente, a própira Igreja, chamada espôsa de Cristo, por razões de todos os tipos, formatou a Figura de Cristo e criou a partir de tudo o que havia de sua obra, de suas vida, regras de conduta, punição, e uma série de outros, que eu não preciso falar aqui.

MAS A VIDA DE CRISTO, O SACRIFÍCIO DA CRUZ, NÃO TEM NADA A VER COM REGRAS DE CONDUTA, que nos indicam o CAMINHO DO CÉU.


As senhoras que frequentam as igrejas da vida, independenteMENTE da religião, usam como suporte para os seus peitorais autoritários e imponentes no meio social, a boa moralidade. Muitas vezes são profundamente "imorais" no trato com o ser-humano, mas totalmente aceitas como "exemplo" no espaço físico da IGREJA.

A CONTEMPORANEIDADE DE JESUS, E O SACRIFÍCO DA CRUZ, ESTÃO PARA ALÉM, TRATA-SE DE OUTRO ESPAÇO.

E é no respeito à CONDIÇÃO HUMANA, com tudo aquilo que deriva deste modo, que JESUS CRISTO fala, e não ao contrário.

O SACRIFÍCIO PELO DINHEIRO, É TODOS OS DIAS, TODOS OS LADOS, EM TODO MUNDO....
Fazer parte de um sistema como o nosso, onde se valoriza o TER, e não o SER, NÃO DÁ PARA ESPERAR OUTRA COISA....

O sujeito é tratado como uma parte de um funcionamento, dele é extraído tudo, força, energia, inteligência, em prol da empresa, em prol de uma séria de outras coisas.... O sujeito que precisa do DINHEIRO, para pagar suas dívidas, não tem escolha.

E quanto mais o sujeito se vê escravizado, também quer escravizar, e também acaba acreditando que esse é o caminho: O DINHEIRO TRAZ A FELICIDADE!
E desta mesma forma que além de ser escravizado, ele é rechaçado da roda dos "poderosos", ele também procura de alguma forma pertencer a alguma roda, para que um dia, quem sabe, faça parte da roda dos poderosos, e para isso ele aprende a excluir outros que imagina inferiores a ele próprio....

E assim sucessivamente....  Desde as primeiras horas do dia, até o final do dia, o lema é: ganhar dinheiro.  

Comprar, comprar, comprar....

O stress de não ter o que o outro tem. O stress de aguentar todo tipo de humilhação para ficar naquele cargo. O stress de não poder usar o pensamento próprio, não poder criticar, analisar, criar, num ambiente de trabalho, só receber ordens e executa-las....

E assim, sucessivamente.... 

NOS FINAIS DE TARDE, a bebida, o cigarro, chega o que for, para aliviar...  

Aliviar uma INSATISFAÇÃO PROFUNDA COM TUDO E COM TODOS.... 

IMPOSSIBILIDADE DE SER GENTE.


O SACRIFÍCIO PELO DINHEIRO



O SACRIFÍCIO DA CRUZ


sexta-feira, 26 de abril de 2013

CORTARAM O MEU PÉ-DE-LARANJA-LIMA - DENISE FRANÇA

Curitiba, 26 de abril de 2013.

Outra vez, entre tantas vezes, cortaram o meu pé-de-laranja-lima.... e eu chorei, chorei, chorei.....  Quando assisti o filme, me sensibilizei com a história do menino, porque era igualzinha a minha história...
Na minha vida, sempre se repete esse ato: necessidade de exercer a crueldade ou maldade, sobre a minha pessoa.   E todas as vezes eu me pergunto, sem resposta: Por que???

Gosto muito de Allan Kardec, e sua obra, respeito. Mas com pesar venho dizer: não, não cortaram o meu pé-de-laranja-lima outra vez como uma forma de purgação para os males que fiz em outra vida.... Não.

Não cometi males nesta vida, e muito menos em outra vida. Pertenço à vida desde sempre, a raiz da vida, ao bem, ao amor. Eu canto desde sempre a semente da vida, com gestos simples, eu colho, eu cato as pequenas pestes da grama, para que torne a florescer.... Tem sido assim a minha vida.

As  pessoas que me veem catando as pestes da grama, não entendem. Procuram atenuar a sua insatisfação perene em pequenos gestos de maldade, alfinetadas, e em atos mais declarados que representam a sua miserabilidade humana.

Vivem atormentadas e angustiadas, tentam roubar de mim aquilo que nasce e vive no coração humano. Não conseguem. E por isso, se tornam ainda mais ferrenhas e bizarras na maldade que executam.

Para amar, é preciso renunciar a muitas coisas, e principalmente a estes sentimentos mesquinhos e egoístas...   Miserabilidade humana. A minha vida não pertence a mim, pertence a Deus. E por isso mesmo, qualquer gesto de crueldade ou maldade, morre na minha epiderme, mas não habita a minha alma. Não cria raízes em mim, aquilo que procuram, tentando me machucar, tentando produzir na minha boca o fel que vive nas línguas e na saliva destes seres miseráveis...

Eu canto o amor, o romance, a vida, a infância, a brincadeira na rua de barro, a bola que pula, o chute a gol, o amigo oculto, o segredo, a esperança, e jamais vou deixar de cantar o canto que eu aprendi.

A miserabilidade destes seres o fazem cometer pequenos delitos, cheios e carregados de mesquinharia. Como furtar algo do qual faço uso, para me afetar, ou para tentar dessa forma, fazer parte da minha vida. O meu coração ele abre por dentro, não através da imposição ou da força. Não adianta.

Não adianta vestir uma blusa minha, na tentativa de se transfigurar na minha pessoa: impossível. Não existe outra igual a mim. E eu não preciso me servir no dia-dia de nenhum tipo de vilania ou mesquinharia....

Seres miseráveis e abissais que habitam as trevas... e por isso, precisam desses atos de crueldade como uma  espécie de vampirismo: se nutrem do mal.

A maldade não mora em mim, e nem encontra em mim qualquer espécie de suporte. Podem retirar tudo que está ao meu redor, usar minha roupas, usufruir dos objetos que utilizo, ler os livros que leio, andar em minha bicicleta, fechar ou colocar grades na janela para que eu não veja a luz do sol... Podem, fiquem à vontade para todas essas vilezas e crueldades, mas jamais serão o que eu sou, jamais viverão o que eu vivo, jamais farão parte do meu coração....

O meu coração pertence a Deus, a minha vida pertence a Deus, é pelo AMOR DELE que eu sigo em frente...




quarta-feira, 24 de abril de 2013

A LIBERDADE DERIVA DE UMA COERÊNCIA ENTRE CONDUTAS - DENISE FRANÇA

Curitiba, 24 de abril de 2013.


COMENTÁRIO AO TEXTO DO DOUTOR FLÁVIO GIKOVATE: "A liberdade deriva de uma coerência entre condutas".

Em primeiro lugar, dizer que o meu tempo tem sido escasso para escrever, e o meu notebook anda com problemas, talvez vírus.

Em segundo lugar, não sei se o Doutor Gikovate faz a leitura de meus comentários, mas de qualquer forma, esses comentários manifestam o respeito por sua obra, e como gosto de escrever, e viver a experiência humana, elaboro aquilo que vejo, constato e percebo, faço também uma leitura da realidade...

A TÃO SONHADA LIBERDADE, já o sabemos, não é a mesma coisa que liberalidade, ou seja, excesso, louqueamento subjetivo e condutas insensatas, nada a ver...

E, sempre partindo da minha própria vida, o IDEALISMO, como o Doutor Gikovate salienta, não revela a verdade e nem expressa a realidade de vida de um sujeito. O Eu-ideal, o Ideal-do-Eu, o Supereu, o Id, eram terrenos trabalhados pelo Doutor Sigmund Freud, já naquela época.... no campo das neuroses, e psicoses.... Mais tarde, descobriu-se o SUPEREU-MATERNO....

O princípio é sempre o mesmo: a imagem de mim, é o outro que me dá, sempre em espelho, o outro, os outros, através da nossa vida, as identificações.... E ao longo da vida, existe não só distância como incapacidade entre aquilo que eu sou hoje, e aquilo que eu "deveria" ser. O Imperativo Categórico, funciona sempre em nossa mente, desde a mais tenra idade, até o presente, no ambiente familiar, no ambiente social, no trabalho....

Quem eu sou??? O que gostaria de ser??? O que faço realmente??? Acontecem coisas malucas a propósito desta IMAGEM IDEAL, e da exigência parental em torno do que gostaríamos que fossemos.... A anorexia por exemplo, a menina, geralmemnte pré-adolescente, magérrima, olha-se no espelho e se sente "gorda", muito gorda... Isso, vai lhe custar a vida. Vai morrer de fome, e isso é uma realidade, proveniente deste entre-choque das imagens, e da exigência....

Um menino sensível , inteligente, criativo, pode ter o seu mundo profundamente abalado e transformado radicalmente, devida à exigência parental em torno da masculinidade, "não quero um filho bicha!".

E por aí afora.... Gostaria de encontrar nos humanos essa tão sonhada liberdade....

Acredito que em torno desta Exigência que não pára de latejar nas tempôras das pessoas, sempre, o tempo todo, talvez, a criatividade, e a maleabilidade, possam nos aproximar de uma tranquilidade maior quanto aquilo que fazemos no nosso dia a dia....

A maleabilidade, acontece justamente mediante um trabalho do pensamento, e das atitudes, para arrancar essa esteira do Ideal e da Identificação, de valores morais falsos e hipócritas que nos acompanham desde crianças....

Poder curtir a vida, se sentar ao lado de alguém, num parque, num bar, na grama, tirar os sapatos, sem pensar no que os outros vão dizer, e conversar, olhando nos olhos, simplesmente curtindo o prazer de estar vivendo aquele momento....

A elocubração das idéias, também, a saturação do pensamento, tão próprias ao ser humano e derivadas desse Ideal inatingível.... Se eu faço isso, porquê faço, para quê faço, como será o futuro em razão disso, e as pessoas ao meu redor..... Elocubração mental que subtrai toda a possibilidade criativa humana....

Eu posso dizer> desde a minha mais tenra idade, eu me lembro que "pensava o mundo, as relações humanas, a amizade, o amor" , e, sofri angústias insuportáveis em razão dessa EXIGÊNCIA parental, e o Ideal, mas também aceitei a minha condição humana, e vivi as minhas angústias, medos , com criatividade e coragem....

Talvez, alguém não consiga superar o medo proveniente de algum fator, mas pode, transformar e usar esse medo de forma criativa....

Outra coisa, muito importante na minha vida, eu não supervalorizo pessoas de condição "superior", seja financeiramente, seja por um status social, seja por uma função pública ou de autoridade... A autoridade, nunca me causou impacto... E digo mais, sem sombra de dúvida, sempre coloquei a autoridade como impossível, e precária, simplesmente em razão da nossa condição humana....

Acontece que as pessoas procuram, através de suas atividades no trabalho, ou na família, ou socialmente, compensar suas inabilidades, e dependências emocionais, usando a função que ocupam, ou o cargo, ou a posição na família enquanto pais, para manipular os outros, "mandar" nos outros.... Determinar a conduta dos outros, o que dá a essas pessoas, uma falsa sensação de autoridade, e de poder.

O PODER É CONTRÁRIO À LIBERDADE.

É assim que observo o funcionamento das condições humanas no dia-a-dia. E percebo que as pessoas mais felizes, tranquilas, são pessoas autênticas, pessoas simples, que não precisam usar nenhum tipo de autoridade, na convivência com os demais seres.... Simplesmente vivem e convivem....

O Ideal então, visto nesta forma da exigência, se transforma nisso, uma autoridade insana e obscena, insensata....

Muitos moralistas, em sua vida íntima, particular, são assim, obscenos, medrosos, cagões....





segunda-feira, 15 de abril de 2013

INVESTIGADOR ALEARDO RIGHETTO - DENISE FRANÇA

CURITIBA, 27 DE ABRIL DE 2013.

Eu, Denise França, namorei o INVESTIGADOR DA POLÍCIA CIVIL, ALEARDO RIGHETTO, mais ou menos 4 anos.

ALEARDO RIGHETTO, em primeiro lugar, é pobre. APAIXONADO PELA POLÍCIA CIVIL desde sempre.

ALEARDO RIGHETTO, coincidentemente, nasceu no mesmo dia que eu, dia 1º de janeiro, 6 anos mais velho...

ALEARDO RIGHETTO é filho de uma mulher que criou seus filhos praticamente sozinha, trabalhou de doméstica muitos anos na casa do Doutor Calixto, coincidentemente, tem um prédio ao lado de minha casa...

ALEARDO RIGHETTO, esteve no EXÉRCITO BRASILEITO, SARGENTO DA INFANTARIA DE PARAQUEDISMO, 9 ANOS, EM MANAUS.... Extremamente rígido  quanto a tudo que diz respeito a normas e regras.

ALEARDO RIGHETTO, nesses 4 anos de namoro, o vi muito poucas vezes, porque a POLÍCIA CIVIL DO PARANÁ, exige dedicação total.

ALEARDO RIGHETTO, quando o conheci, trabalhava de investigador para o DELEGADO RECALCATTI, NA DELEGACIA DE FURTOS E ROUBOS.... Gostava muito do Recalcatti, e ficou muito infeliz quando foi transferido dali...

ALEARDO RIGHETTO depos, foi para outra Delegacia, trabahar com o Gerson Machado.

ALEARDO RIGHETTO, quando eu o namorava, possuía apenas um carro antigo, sem seguro. Ficou profundamente triste quando foi fazer a entrega de uma cadeira de rodas numa farmácia, e deixou o seu carro estacionado... Quando voltou, roubaram o carro. ALEARDO RIGHETTO  ficou um bom tempo sem carro, e mais uma vez, isso dificultou nosso namoro.... Eu tive que pegar onibus de Piraquara, junto com ele, para podermos namorar....

ALEARDO RIGHETTO mora em Piraquara numa das casas de sua mãe.... que é pensionista. Ele falava muito em sua mãe, e sempre ia até a praia de Matinhos visita-la porque ela gostava de ficar lá, passar uns dias com suas amigas.

ALEARDO RIGHETTO, introvertido, sim. Tem uma vida solitária, poucos amigos.... Seus melhores amigos são os cachorros e cavalos, que cuida, os abandonados...

ÙNICO DEFEITO: Não gosta de CORRUPTOS, NÃO ACEITA CHANTAGEM... E por essa mesma razão, foi preso umas 3 vezes, porque quebrou os dentes de um DELEGADO que falou mal de sua mãe para afetá-lo, o que eu chamo de abuso de autoridade, tentativa de humilhação de um subordinado.... De um juiz, que tinha um filho que usava drogas, e por desacato à autoridade, por não aceitar corrupção....

ALEARDO RIGHETTO, gosta muito de pescar, gosta do mar... E mesmo namorando ele lá na praia, em Matinhos, o vi pouquíssimas vezes, porque ele participava da OPERAÇÃO VERÃO....

ALEARDO RIGHETTO É UM CARA HUMILDE, MAS COMPETENTE NAQUILO QUE FAZ. Investigador apurado, que vai ao local do crime, e em busca do criminoso onde ele estiver....

SE POR VENTURA, encontraram alguma arma com ele, provavelmente por outras razões.... Ele prefere bem mais uma LUTA DE MÃOS LIMPAS, sem nenhum tipo de armas, porque daí ele pode medir bem a capacidade e CORAGEM de seu oponente...

O DELEGADO GERSON MACHADO, EU NÃO O CONHEÇO, mas dizem que ele é um casca-grossa, porém, não é CORRUPTO.

Existem muito mais informações a respeito de ALEARDO RIGHETTO, de alguém que o conheceu durante 4 anos.... CORRUPTO, ELE NÃO É....

MAIS INFORMAÇÕES:

Aleardo Righetto amava com paixão o Exército Brasileiro, a Infantaria de Paraquedismo, tem os dedos dos pés atrofiados, em razão do coturno que usava no exército.... Deixou o Exército Brasileiro porque teve que vir para o Sul do Brasil em ocasião da doença do seu irmão. O seu irmão morreu.... E ele então, optou por seguir na POLÍCIA CIVIL... Se apaixonou pela carreira....

Aleardo Righetto, além de policial, é também detetive, FAZ PARTE DO INTERNACIONAL BOUREAU, para encontrar crianças perdidas....

Ele é um sujeito que possui profundo sentimento, mas guarda consigo mesmo, e sofre as INJUSTIÇAS CALADO!

EM RAZÃO de tudo aquilo que tem feito na Polícia Civil do Paraná, de bom, obviamente surgem pessoas que não gostam dele, e o perseguem. Ele é perseguido sim, por pessoas de dentro da Polícia e pessoas de fora, bandidos de quadrilhas.... Muitas e muitas vezes me disse que  não gostava que eu me aproximasse dele, sem avisar, porque tinha receio que me acontecesse alguma coisa, por ser namorada dele....

Bem, eu também não tenho medo dessas coisas, chantagem, perseguição, etc.... mas entendi o ponto de vista dele...

ALEARDO RIGHETTO, uma vez foi convidado para uma festa, um JANTAR DA POLÍCIA CIVIL, até hoje ele não sabe se convidaram por sacanagem ou realmente foi convidado. Aleardo RIGHETTO foi neste jantar, mas como não tinha ROUPA SOCIAL, porque é um cara simples, comprou uma camisa, e a camisa estava com um furo, ou coisa assim, para usar a camisa, foi preciso fazer um remendo.... E foi até o JANTAR, USANDO ESTA CAMISA.... Todo mundo ficou de olho nele durante o jantar por causa da camisa remendada.....

Esse tipo de coisa eu pessoalmente também faço, principalmente quando se trata de figurões, e gente que se acha muito "poderosa"..... É uma forma de satirizar a ELEGÂNCIA DAS AUTORIDADES....

ALEARDO RIGHETTO uma certa vez, deixou de aparecer, e eu fiquei muito brava.... Quando apareceu, explicou o motivo da ausência: ESTAVA EM MATINHOS, concertando a casa, quando então o cara que estava em cima do telhado, escorregou e caiu em cima dele, no ombro.... Ele passou a noite toda com uma dor infernal, e depois foi até o pronto socorro, mas daí, acabou que foi até uma farmárcia, comprou ARNICA, e foi esse o remédio que o curou....

ALEARDO RIGHETTO, CONVIVEU, MINHA GENTE, COM ÍNDIOS, NA SELVA AMAZÔNICA, ISSO ANOS E ANOS A FIO.... Uma pessoa que convive com índios, puros, selvagens, jamais SE TORNARÁ UM CORRUPTO!!!!  Aleardo RIGHETTO, tem em suas veias o mesmo sangue dos índios, e ele conhece forma e lugares, e tem O SEXTO SENTIDO, proveniente de sua capacidade de SOBREVIVÊNCIA, e tudo aquilo que adquiriu esse tempo todo vivendo na AMAZÔNIA, com a natureza e os índios....

INFELIZMENTE, ISSO TUDO SEMPRE FOI RECHAÇADO, e geralmente rechaçam o melhor da pessoa, o que deveria fundamentalmente ser aproveitado no exercício da profissão, principalmente de políciais e a inteligência da polícia....

ALEARDO RIGHETTO ADORA A LEITURA, e estudou por conta próprias.... Costumava ir até o INSTITUTO MÉDICO LEGAL, participar de autópsias, para saber o que acontece com o trajeto de uma bala no organismo humano, e conhecer outras coisas.... Estudou muito em livros e é um sujeito ESPIRITUALISTA....

ALEARDO RIGHETTO É CAPAZ DE VIVER ISOLADO POR ANOS A FIO, SE PRECISAR, porque adquiriu essa capacidade de SUPORTAR A DOR E A SOLIDÃO.

O MESMO POSSO DIZER DE MIM MESMA, e isso não é só sobrevivência, mas treinamento, dia após dia.....

ALEARDO RIGHETTO, CONSEGUIU conter sozinho uma REBELIÃO que se iniciava numa DELEGACIA.... Quando a rebelião começou, o DELEGADO CAIU FORA.... Ele ficou praticamente sozinho.... Telefonou para o CORPO DE BOMBEIROS, e pediu que trouxessem um caminhão com aquelas mangueiras.....  O que ele fez, se estava sozinho diante de uma possível rebelião em cadeia????  Aproximou o caminhão, puxou a mangueira, e colocou numa pressão suficiente em direção as grades e aos presos que estavam tentando se revoltar.....  Os presos receberam o jato de água e se acalmaram.... e A REBELIÃO FOI CONTIDA EM RAZÃO DESSA ESTRATÉGIA MILITAR.....

OBVIAMENTE, NENHUM MEIO DE INFORMAÇÃO NOTICIOU ISTO!!!!!  Nem sequer o Delegado deve ter agradecido a ele.....

ENTÃO, MINHA GENTE, AÍ ESTÃO MAIS INFORMAÇÕES SOBRE O INVESTIGADOR DA POLÍCIA CIVIL, ALEARDO RIGHETTO, e eu assino embaixo tudo aquilo que escutei de súa própria boca..... é verdade, e tenho dito.....

MAIS INFORMAÇÕES AINDA SOBRE ELE:

O Investigador da Polícia Civil, Aleardo Righetto, tem o DIPLOMA DE DIREITO.  Desde que eu o conheci, ele me falava de suas ex-namoradas que, quando ele dizia que tinha feito DIREITO, elas diziam: "POR QUE VOCÊ NÃO É DELEGADO???!" 

E ELE DIZIA: "NÃO QUERO SER DELEGADO, QUERO SER INVESTIGADOR!"  E ponto final.

Então, neste caso especial, o fato de não querer ser Delegado, já diz muita coisa. Não tem necessidade de status, nem do salário que um Delegado ganharia.... Gosta de trabalhar como investigador porque é esta a paixão dele....

E ele leva consigo geralmente a medalhinha de SÃO JORGE, para proteção....


INVESTIGADOR DA POLÍCIA CIVIL ALEARDO RIGHETTO










Operação do Gaeco prende dois delegados e um investigador

domingo, 14 de abril de 2013

DESABAFO E ENCORAJAMENTO A TODOS OS PROTETORES - DENISE FRANÇA

CURITIBA, 14 DE ABRIL DE 2013.


UM GRANDE DESABAFO: (por favor, é melhor não ler... QUEM NÃO TIVER ESTÔMAGO...)



DEDICADO A TODOS OS PROTETORES E PROTETORAS, QUE CUIDAM DA VIDA, PARA QUE ELA CONTINUE....



Hoje foi um dia estupidamente trágico!!!



Começo falando dos bichos: a natureza que DEUS CRIOU, CRIATURAS VIVAS!!!! Desde antes de dezembro, estou tentando dar uma direção a uma situação envolvendo os cachorros de um vizinho, o BENONI.

Agradeço o empenho e preocupação da FABIANE ROSA, QUE TEM AJUDADO NISSO...

OS CACHORROS NÃO SÃO MEUS, OU DA FABIANE.... MAS ELES PRECISAVAM DE AUXÍLIO.... Nós tentamos.....

Esta semana, O BENONI, famoso, jogou o SPIKE NA RUA, isso na terça-feira à tarde. Eu peguei o Spike e trouxe para minha casa....

Eu cuido de 4 cachorras, uma delas já era do Benoni, e eu a adotei, a MELL. Outras duas cachorras abandonadas, a Polaquinha, e a Ceci, filha do Peri, adotado.... Muitos cachorros passaram por mim... e todos eles foram cuidados com dignidade até o fim...

POIS É, AS CACHORRAS DO BENONI NÃO ERAM MINHAS, mas vieram para aqui em casa para tratamento e atenção...

O SPIKE, é um vapequinha esperto, inteligente, cuida do dono e da casa.... ELE ESTAVA COM O OLHO MACHUCADO fazia 2 meses, e eu passava pomada.... Reparei que estava com problemas na pele....., tive receio que fosse sarna.

EU TINHA 2 OPÇÕES, PAGAR O DENTISTA, FAZEM 2 ANOS QUE PAGO O DENTISTA, ou levar o SPIKE NA VETERINÁRIA....

Peguei o dinheiro e fui até a veterinária, ela o examinou, problema de alergia proveniente do estado em que se encontrava ali na casa do BENONI..... Comprei o remédio, e outro problema surgiu: não posso deixa-lo junto com minhas cachorras, e mais o tempo e a chuva fizeram com que tivesse que comprar uma casinha: gastei: 160 reais com um cachorro vira-lata que não é meu..... A casinha foi coloca dentro de um canil que o meu pai construiu para o ROBIN, cachorro de uma tia, essa é uma longa história....



Meus caros, surgiu um novo problema ainda hoje à tarde, fui dar banho na minha cachorra, a Polaquinha, e percebi que ela está com algumas manchas na pele, não sei se é alergia ou outro problema..... AGORA, NÃO TENHO MAIS COMO LEVA-LA AO VETERINÁRIO...

ISSO TUDO, DITO AQUI OU EM OUTRO LUGAR, PASSA SIMPLESMENTE DESPERCEBIDO, PORQUE NÃO DÃO VALOR ALGUM A ESSE ESFORÇO, EMPENHO, SACRIFÍCIO, NOSSO, MEU, DE TODOS AQUELES QUE TENTAM DAR UM BEM-ESTAR A ESSAS CRIATURAS VIVAS..... OS CACHORROS DE RUA NÃO TEM PREÇO NO MERCADO CAPITALISTA.... NÃO VALEM PARA TROCA OU COISA DO TIPO....

Algumas pessoas ficam fissuradas por coisas mais concretas: um carro por exemplo. Um carro novo, nossa, um carro novo certamente tem valor para elas em todos os sentidos, mas um carro não tem VIDA, não é animado pelo espírito.... Porém, elas “adoram” o carro, e ficam malucas por esse BEM....



FAZ 20 ANOS, exatamente, que eu dedico o tempo da minha vida para garantir uma qualidade de vida legal a todos que me cercam..... Eu não grito aos quatro ventos: “OLHA, CARA, TÔ LIMPANDO A CASA AQUI, PRA VOCÊ PODER SE SENTAR E FICAR À VONTADE, VIU....” ....

Acordo 5hs da manhã, e pego no pesado, trabalho doméstico.... De manhã, são 7 horas em média de trabalho ininterrupto...

Eu moro com os meus pais, que tem a idade de 78 anos, e 83 anos.... Faço o possível para minimizar o esforço deles...

Quando minha TIA era viva, morava ao lado de minha casa, cuidava dos cachorros dela, ano após ano, atenção, limpeza, carinho.... Eu terminava o expediente aqui em casa, e ia até lá, limpar o canil, e cuidar dos 3 cachorros, o ROBIN, A LADY, A PEQUENININHA, a KELLY.... O ROBIN FOI O CACHORRO QUE EU MAIS GOSTEI, PORQUE A MINHA ATENÇÃO E A TRANSFORMAÇÃO DESSE CACHORRO AO LONGO DOS ANOS, VALEU UMA HISTÓRIA VERDADEIRA DE AMOR E CARINHO...

OS CACHORROS NUNCA DEIXARAM DE RETRIBUIR NA MESMA PROPORÇÃO: CARINHOSOS, COMPANHEIROS, AMIGOS....



NO ENTANTO, ANO APÓS ANO, O QUE PERCEBO DAS PESSOAS AO MEU REDOR, É UM TOTAL DESINTERESSE, OS CAHORROS SÃO VISTOS COMO ALGO DESCARTÁVEL.. . CONSIDERAM como criaturas menores, que perturbam, ou simplesmente dão trabalho as pessoas.... Quando eu começo a falar a respeito dos cachorros, e dos cuidados, as pessoas se retiram ou acham enfadonho, simplesmente eu percebo: ISSO NÃO TEM IMPORTÂNCIA NA VIDA DELAS...



Com o mesmo empenho, cuidei do espaço físico da casa aonde eu moro, para que as pessoas que aqui habitam, e as pessoas que aqui passam, usufruíssem de um espaço limpo, acolhedor.....



As pessoas que reconhecem o meu trabalho, CERTAMENTE NÃO SÃO AS MESMAS PESSOAS QUE HABITAM ESSA CASA. EU NÃO SEI MENTIR, MAS ISSO É EVIDENTE! SÃO AS PESSOAS QUE PASSAM NA RUA, ME VÊEM LIMPANDO A CASA, RECOLHENDO AS FOLHAS DO JARDIM, CORTANDO A GRAMA, ESSAS PESSOAS ME DÃO PARABÉNS!!!! Eu agradeço o incentivo....



EU PENSO QUE O AMOR E A AMIZADE SÃO PRÁTICOS....SÃO FEITOS DE ATOS DIÁRIOS... E NÃO DE TEORIAS... São gestos simples, como olhar alguém e agradecer por aquilo que aquela pessoa nos prestou, nos ajudou, ou a atenção que nos dedica....



Não posso trabalhar fora, porque já realizo todo esse serviço.... Uso o tempo total do dia-a-dia para todos esses serviços, e porque meus pais estão velhos, e não podem ficar isolados e sozinhos.... Algumas pessoas entendem isso como se eu me aproveitasse ou como se eu morasse junto a eles porque sou dependente ou coisa do tipo.



NÃO, MEUS CAROS, HÁ MUITO TEMPO DEIXEI DE SER DEPENDENTE EMOCIONAL PARA ME TORNAR UMA PESSOA COMPROMETIDA COM A VIDA!!! A MINHA VIDA E A VIDA DOS OUTROS... PARA MIM ISSO CHAMA-SE RESPONSABILIDADE!



Á noite, eu estudo, SEMPRE GOSTEI DE ESTUDAR. Adoro a convivência com os jovens, que me animam, me reconhecem, me colocam pra cima.... Ironicamente, são as pessoas de fora da minha família que “realmente” me conhecem....



Agora, as pessoas pelas quais eu dediquei um grande tempo da minha vida, é como se não conseguissem VER.... Essas pessoas consideram uma perda de tempo, os cachorros.... Aliás, a sensação que tenho, é uma profunda DESCONSIDERAÇÃO POR TUDO O QUE TENHO FEITO.... Não sei o que passa no pensamento dessa gente.... Não sei se é inveja, ou RECHAÇO.



Mas descubro que o motivo maior de tudo isso, é sempre o mesmo: O DINHEIRO.



O TRABALHO DA PESSOA VALE, SE ELA GANHA!!!! Se eu contasse o tempo que estou trabalhando, nossa..... Mas, porque eu não tenho salário, NÃO TENHO GRANA, o que eu faço, também não tem importância...



Essas pessoas certamente, tem salário, décimo terceiro, e durante o ano, viajam, tem privilégios que eu nunca terei....

Essas pessoas chegam ao ABSURDO, ALGUMAS DELAS, DA FAMÍLIA INCLUSIVE, DE DIZER: VOCÊ NUNCA TRABALHOU!!!!



Não imaginam e NUNCA VÃO SABER O QUE É RENÚNCIA, O QUE É SACRIFÍCIO, E QUAL O VALOR DA PALAVRA AMOR, AMIZADE, DEDICAÇÃO....



Enquanto essas pessoas usufruem de um restaurante, pizzaria, etc e tal, eu não posso comprar um cachorro quente na esquina.... Porque todo e qualquer dinheiro, já de antemão está empenhado em usar em caso de urgência e necessidade...

Incrivelmente, como muitos acham, os trabalho que fiz, profissionalmente, não os COBREI!

EU PRATICO EXERCÍCIOS PARA MANTER MINHA SAÚDE, PORQUE ESSE TRABALHO, TODO ESSE TRABALHO DEPENDE DE MIM.... NÃO TENHO TEMPO PARA CÓLICA MENSTRUAL, RESFRIADO, ENXAQUECA, TENDINITE, OUTROS.... TODOS OS DIAS ESQUEÇO MINHAS DORES E CONTINUO FAZENDO O MEU SEVIÇO...



QUANDO DESCANÇO, É AO LADO DOS CACHORROS QUE ESTOU, PORQUE ELES ME TRAZEM PAZ E TRANQUILIDADE.... EU ME REABASTEÇO, RECARREGO MINHA BATERIA AO LADO DELES E COM A CONVIVÊNCIA DIÁRIA...



SÃO AS PESSOAS QUE PROCURAM DE DIFERENTES FORMAS , TIRAR A PAZ UMA DAS OUTRAS....



EXISTEM PESSOAS QUE ENTRAM AQUI NA MINHA CASA PARA ME PERGUNTAR: O que é que você faz?! ( como se eu não fizesse nada...) Por que você não faz isso, por que você não faz aquilo???

Olhando para a vida dessas pessoas, eu me pergunto: existe alguma novidade na vida delas, além da rotina, do dinheiro que recebem no fim do mês, e das mesmas queixas de sempre??? Por acaso, a novidade deveria estar na minha vida, ou na vida delas, que tem espaço de sobra para fazer muitas coisas, e não o fazem.... Ou porque nunca descobriram em si mesmas, algo que realmente gostassem de fazer....

O mais engraçado, E DIVERTIDO DE TUDO ISSO, É SEMPRE PARA MIM QUE COLOCAM A QUESTÃO: COMO SE EU FOSSE UM PESSOA QUE DEIXASSE MUITO A DESEJAR.... UMA PESSOA DUVIDOSA....

EU ESCREVO, como vocês já perceberam.... Eu escrevi uns 6 livros mais ou menos, falando de vários assuntos, assuntos humanos, e eu pergunto, essas pessoas alguma vez leram sequer, uma linha do que eu escrevi????

Muitas falam a respeito da minha competência, e idoneidade, e eu pergunto a elas: VOCÊS JÁ VIRAM QUANTOS CURSOS EU FIZ, E O TANTO QUE ESTUDEI??? Os cursos, nem tanto, mas o que eu estudei ao longo da vida, FOI POR MINHA VONTADE PRÓPRIA, E DESEJO DE SABER, E NÃO PARA A SATISFAÇÃO DE ALGUÉM OU ALGUMA COISA, OU ALGUMA INSTITUIÇÃO EM PARTICULAR.... EU ESTUDEI PORQUE GOSTO, E PORQUE TINHA A CURIOSIDADE DE APRENDER....

Tudo aquilo que eu me empenhava em estudar, sempre ouvia: ISSO NÃO VAI DAR DINHEIRO, OU, ISSO NÃO VAI GARANTIR O SEU FUTURO.... Eu pergunto a essas pessoas, nossa, são poderosas a ponto de saber o FUTURO DE OUTRA PESSOA....

O FUTURO PARA MIM É O DIA DE HOJE, E NÃO ESTÁ ATRELADO AO PODER DO DINHEIRO, MAS A QUALIDADE DAQUILO QUE EU FAÇO, SEJA LAVAR UMA PRIVADA PARA OUTRA PESSOA SENTAR, ATÉ ESCREVER UM LIVRO....

O FUTURO PARA MIM FORAM TODOS OS COMPROMISSOS QUE ASSUMI COM AS PESSOAS, E OS CUMPRI ATÉ O ÚLTIMO MOMENTO.... O QUE EU CUIDEI, E DE QUEM EU CUIDEI, CUIDEI COM AMOR, CARINHO, ATENÇÃO, ATÉ O FIM, COM O CUSTO DO TEMPO DA MINHA VIDA!!!

MUITO BEM, EU DIGO ISSO A TODOS OS QUE CUIDAM DE PESSOAS, CACHORROS, BICHOS EM GERAL, QUE CUIDAM, REALMENTE CUIDAM, E USAM O TEMPO DE SUAS VIDAS PARA ESSA FINALIDADE, NÃO PAREM, NUNCA PAREM!!!!

NÃO SERÃO RECONHECIDOS.... E POSSIVELMENTE ATÉ ESQUECIDOS... MAS SIGAM A RAZÃO DO CORAÇÃO DE VOCÊS ATÉ O FIM, O QUANTO CUSTAR, E NÃO PAREM NUNCA DE AMAR...

SE ESSAS PESSOAS NÃO CONSEGUEM ENTENDER, NÃO COMPREENDEM, NÃO TEM A MENOR APTIDÃO PARA DEDICAR-SE AO OUTRO, SEJA QUEM FOR, E ISSO POR AMOR, E NÃO VISANDO OUTRO INTERESSE, PROBLEMA DESSAS PESSOAS QUE NÃO TEM A CAPACIDADE DE ENXERGAR, E MUITO MENOS DE RECONHECER A AJUDA FORNECIDA A ELAS....

ESSE É O MEU ENCORAJAMENTO A TODOS OS PROTETORES...

OBS: DESCULPEM OS ERROS DE PORTUGUÊS E GRAMATICAIS, PORQUE EU TERMINEI E REPASSEI ASSIM MESMO.... DEPOIS VOU REVER...



ROBIN, O CACHORRO QUE EU MAIS AMEI...

sexta-feira, 12 de abril de 2013

à FRONTEIRA DO ESPÍRITO - DENISE FRANÇA

Curitiba, 12 de abril de 2013.

COMENTÁRIO AO TEXTO DO DOUTOR GIKOVATE: "SEXO SEM FRONTEIRAS".



De uma ou outra forma, existem caminhos que se cruzam, semelhanças de percepções e pensamentos. E, deixei para esse momento, não poderia ser outro, o que venho percebendo na Obra do Doutor Flávio Gikovate, seu pensamento, sua leitura, sua trilha. Deixa-nos uma trilha a seguir...

Mais do que ele, eu correrei o risco de dizer que de uma forma maravilhosa e excepcional, GIKOVATE está indo de encontro ao Espírito. O sexo e o espírito não são antagônicos, são o equívoco de uma só e mesma coisa.

O risco de empregar uma palavra como essas, na ordem da "sexualidade", o espírito transita nesse âmbito?! Pode sim, cair no absurdo de dizer. Mas é exatamente isso: "o que é da ordem dsa sexualiade, em tudo que eu já vi, ouvi, experimentei, e vivencio na realidade humana, em sua plasticidade, verticalidade e ou transversalidade, com todas as transformções que vem acontecenndo ao longo dos anos, séculos, em relação à cultura, aos costumes, é isso: "o que é da ordem da sexualidade, é propriamente dito, o espírito".

O espírito que a orienta. Flávio Gikovate está certíssimo em dizer que o "homossexualismo", a "heterossexualidade", e outros "sexos", são conceitos que não cabem mais para entender o que é da ordem da sexualidade... São pre-conceitos. Fazendo aqui um contra-ponto à descoberta Freudiana da diferença entre o "instinto" (animal) e a "pulsão" (humana). O instinto dos animais, é da ordem da necessidade. E a pulsão humana tem a ver com o universo da "linguagem", ou seja, tudo o que pertende a nós, o alcançamos, recebemos através deste registro do "outro", a mãe, e posteriormente, outros afins, a cultura.

Não sou Junguiana, e este não é um apêlo a Deus, conceituando o "espírito", nesse nível. O espírito a que me refiro não está assim caracterizado como tal, conforme os arquétipos Junguianos. As memórias, são registros que pertencem ao homem, desde o seu nascimento na face da Terra.

O que determina que um sujeito se oriente sexualmente para um objeto, masculino ou feminino?! A identidade sexual de uma pessoa, é sempre uma "trilha" a ser percorrida, no mesmo sentido em que usei o termo em relação ao pensamento do Doutor Gikovate.

De que forma nos voltamos as outras pessoas, o que "INIBE" nossa ação de beijar a boca de um homem ou uma mulher, esta "COMPOSIÇÃO DO BEIJO", textualmente falando, é do registro da memória, do sentimento. A sexualidade, o impulso que nos anima para o beijo, segue em torno do futuro, não do tempo, mas de um outro "espaço", que não é análogo ao do sentimento.

Por isso, ultrapassando esta linha que cruza, história, lembrança, memória, e o tempo por vir, da sexualidade, chegamos a esse espaço.

Isso responde de maneira inequívoca essa mesma questão aberta por Flávio Gikovate, porquê não somos felizes?! Quando nos aproximamos da felicidade, compactuamos com a morte, e a separação do ser-amado...

O universo Gikovateano, do humano, entre o primeiro momento, nascimento e o último momento, a morte, não pretende discutir o extraordinário, mas o ordinário, com todos os "aparatos" e "artefatos" possíveis do "gozo", ou seja, o ser-humano em sua gestão existencial, com tudo aquilo que pode acarretar.

E, a honestidade Gikovateana é tão perene, que ele prepara e nos abre este espaço, esta estrutura: "SEXO SEM FRONTEIRAS".




quarta-feira, 3 de abril de 2013

DEUS TE PROTEJA DA MINHA VONTADE - DENISE FRANÇA

Curitiba, 03 de abril de 2013.

Minha vontade séria não te faz pecado para mim, nem obrigação, nem escândalo, nem mal e nem bem.

Minha vontade séria antecipa em minha memória os teus traços quando sei que te movimentas no alvoroço cotidiano.

Minha vontade séria liberta teu corpo do domínio dos meus abraços, e te envia mais longe na mensagem da minha presença.

Minha vontade séria está em acordo com o teu ser, antes que pretendas um amanhã.

Minha vontade séria me sugere muitas coisas intensas, e toca tua epiderme, sem escravizar meus sentidos a ela.

Minha vontade séria investiga muitas razões, sem a pretensão do absoluto em resposta exata. Sem a urgência da confiança. Apenas labora o pensamento em reconhecer-te outra vez.

Minha vontade profana é imediata ao nos colocar dentro do mesmo sorriso, no quarto quente do beijo, na esquina do acaso, no suor avulso do desejo.

E miseravelmente, criamos impossibilidades, talvez até uma ciência que desvende esse entusiasmo, e o recolha como simples sobra do esquecimento.

E miseravelmente, nossas mãos fiquem suspensas e ostensivas a causas alheias onde o justo responde à falta de dignidade.

E miseravelmente, sozinhos, nossos olhos remontem a distância de um querido amor, habitado neste espírito, humano amor.